sábado, 22 de outubro de 2016

arrepios


                                                         

















                                                              teus pelos arrepiam              
                                                          quando sussurro em teus ouvidos
                                                          palavras mágicas de desejos             
                                                              e ao tocar teus lábios perco os sentidos!


                                                          liberta dos grilhões do medo 
                                                      mulher com a libido agitada
                                                         montas sobre meu dorso
                                                sedenta de prazer...


Imagem: La Dolce Vita




                                    Está no ar meu último lançamento: dois livros em um

                             O poema acima não integra Estrelas, livro de poemas inéditos

                              Para adquirir entre em contato: jestanislaufilho@gmail.com

4 comentários:

  1. Poesia transpirando prazer e sensualidade!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grato pela generosa presença, Arnaldo. Volte sempre.

      Excluir
  2. Stan, em todos os sentidos quando nos libertamos dos grilhões do medo somos capazes de ultrapassar limites inimagináveis. Quando se trata de sexo, ele fica delicioso sem amarras. Sua poesia é bela, sensual e super inteligente. Beijos do meu para o teu coraçao

    ResponderExcluir
  3. Exatamente, Anna. Grato pela presença, sempre bem-vinda. E a titia, então se foi. Meus pêsames. Beijos retribuídos.

    ResponderExcluir